Sexo Sem Dúvida

Fisioterapia no tratamento da Ejaculação Precoce

A ejaculação precoce é uma queixa comum entre os brasileiros.

Segundos estatísticas, 25% da população sofrem com esse problema, acometendo desde homens mais experientes até jovens iniciantes.

Suas causas abrangem uso de nicotina, freio curto, infecções prostáticas, estresses, traumas, experiências frustradas, medo entre outros.

Entretanto todos os homens são capazes de controlar e retardar o momento da ejaculação.

Pelo fato do processo ser um ato mecânico, envolvendo respostas neurológicas e musculares (musculatura pélvica), ou seja, quando aprendemos, reconhecemos e aperfeiçoamos esse sistema temos melhor controle e noção do processo ejaculatório.

Leia também:

A fisioterapia

A fisioterapia através de aparelhos e exercícios realizados na musculatura pélvica auxilia o homem a controlar a ejaculação, através do reconhecimento e do treinamento da musculatura pélvica.

Ao terem melhor conhecimento muscular e anatômico o paciente passa a retardar bem como inibir o processo ejaculatório melhorando sua vida sexual e a qualidade da relação com sua companheira.

Os resultados da terapia são muitos satisfatórios com 97% de cura, contudo as sessões devem ser realizadas com seriedade e a continuidade do tratamento também.

Alem disso são orientados aos pacientes técnicas de respiração, postura durante o ato sexual, técnicas de distrações entre outras.

Converse com seu urologista a respeito ou procure um fisioterapeuta especializado em urologia ou uroginecologia.

A psicoterapia também é fundamental para o sucesso do tratamento.

Esse conjunto garantirá uma vida sexual mais feliz, tanto para você quando para sua companheira.

Sair da versão mobile