Esqueça o termo orgasmo vaginal. Não existe orgasmo vaginal.

Não existe orgasmo vaginal, como também não existe orgasmo peitoral, nem orgasmo bocal, ou qualquer outro tipo de orgasmo.

Orgasmo é orgasmo e acontece no cérebro, independente de onde entra o estímulo.

Ou seja, não importa se você recebe estímulos na vagina, nos seios, na boca, nas mãos, porque o orgasmo se dá em um único local, o orgasmo se dá no cérebro.

Leia também:

Olá! Eu sou o Dr. Bot, um assistente virtual e estou aqui para ajudar a esclarecer suas principais dúvidas!

De maneira anônima, converse com nosso robô que já ajudou milhares de pessoas a melhorar o sexo.

Qual das opções quer saber mais?

Orgasmo acontece entre as orelhas e não entre as pernas, por isto não existe orgasmo vaginal.

Inclusive sabemos que a parte interna da vagina, a maior parte dela, é carente de sensores que recebem estímulos durante o sexo.

Portanto, estimular somente a vagina esperando um orgasmo vaginal é esquecer o corpo inteiro de possibilidades.

Um corpo inteiro tem milhares e até milhões de receptores aos estímulos, muito mais que os receptores encontrados na vagina.

Você já ouviu mulheres falarem que chegaram a um orgasmo durante um beijo?

Parece estranho não? Mas acontece e não é tão raro quanto se imagina.

Isto é compreensível porque um beijo bem dado pode estimular áreas no cérebro que há anos estavam desligadas. A boca é uma das áreas mais eróticas e, portanto, uma das mais estimuláveis.

Quantas vezes você pensou em beijar alguém até ela se aproximar pelo menos de um orgasmo?

Quanto mais procurarmos por orgasmos vaginais, menos orgasmos teremos. O foco não pode ser única e exclusivamente a vagina. O foco deve ser o corpo inteiro.

Não existe orgasmo vaginal.

Tente um dia se perder em estímulos durante o sexo. Tente um dia não focar no que vai estimular na vagina, tente estimular o corpo inteiro.

Beije onde nunca beijou, morda onde nunca mordeu, aperte onde nunca apertou, toque onde nunca tocou, divirta-se, e se a excitação for subindo não pare, continue.

Não se surpreenda se um orgasmo chegar sem nem se quer ter tocado a vagina.

Orgasmo é orgasmo!

Avalie esse post

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas(4 avaliações, média: 5,00 de 5)
Loading...
Show Full Content
Marlon Mattedi
Marlon Mattedi

Psicólogo. CRP 12/03841. Terapeuta Sexual. Pós-graduado em Terapia Sexual pelo Instituto Brasileiro de Sexologia e Medicina Psicossomática de São Paulo (ISEXP/SP) e pela Faculdade de Medicina do ABC-São Paulo/SP. Especialista em Sexualidade pela Sociedade Brasileira de Estudos em Sexualidade Humana (SBRASH). Especialista em Orientação, Terapia Sexual e de Casal pela Fundação SEXPOL de Madrid-Espanha - Instituto vinculado a Sociedade Européia (FES) e a Associação Mundial para a Saúde Sexual (WAS). Secretário Geral da Sociedade Brasileira de Estudos em Sexualidade Humana (SBRASH) Gestão 2016-2017 e co-fundador do Portal Sexosemduvida.com.

Comentários

Desejo Sexual

Disfunção Erétil

Dor na relação Sexual

Ejaculação Precoce

Libere Seu Poder

Orgasmo Feminino

Temas Gerais

Close

PRÓXIMO POST

Fechar

3 mitos e 3 verdades sobre Menstruação

12 de junho de 2014
Close