Você que é mulher, já reparou na sua vulva (vagina) um pouco inchada depois do sexo?

Muitas mulheres e homens já se questionaram o porque, já se perguntaram se exageraram no prazer e foram buscar as respostas.

Continue a leitura dessa matéria que você entenderá perfeitamente o que ocorre com o seu corpo ou com o corpo de sua parceira.

Venha comigo!

Existem três situações onde podem ocorrer o inchaço da vagina:

  1. uma situação fisiológica, completamente normal e saudável;
  2. uma outra situação que é patológica, significa que é anormal;
  3. problemas ginecológicos.

Primeira situação: Fisiológica e Normal

Situação normal

Na primeira, quando após o sexo a mulher nota um volumesinho no clitóris e nos grandes lábios, saiba que isso acontece pela vasodilatação dos vasos sanguíneos, onde passa mais sangue na região genital devido à excitação, e que pode demorar alguns minutos ou horas para retornar a situação antes do sexo.

Assim como nos homens quando o pênis enche-se de sangue, e em seguida vem a ereção, nas mulheres ocorre o mesmo fenômeno, o clitóris e toda a região pélvica enche-se de sangue e isto gera a excitação sexual.

O clitóris fica mais sensível à estimulação e propenso a interpretar mais sensações prazerosas, ficando às vezes esta região inchada.

Segunda situação: Patológica e Anormal

Situação anormal

Já no inchaço patológico (anormal) a mulher pode ter participado de uma transa onde o parceiro penetrou o seu pênis de maneira mais forte, e isso lhe provoca dor e inflamação, pois na penetração em situações normais já existe o atrito entre o pênis e a vagina, numa situação onde há maior força na penetração pode realmente ser bastante desconfortável para a mulher após a transa.

Terceira situação: Problemas ginecológicos

Já em outras ocasiões como em problemas ginecológicos como infecções bacterianas (Vaginose bacteriana), fúngicas (Candidíase) devem ser tratadas imediatamente com o ginecologista.

Pode ocorrer também um inchaço (edema) na vulva devido a um tumor pélvico, candidíase de repetição, doenças intestinais (doença de chron) onde o sistema linfático (que movimenta a linfa por todo o nosso corpo retirando todo o nosso “lixo celular” e jogando na urina) fica deficiente, as válvulas dos vasos linfáticos ficam fracas e não bombeiam com perfeição a linfa e assim esta se acumula na região vulvar.

Olá! Eu sou o Dr. Bot, um assistente virtual e estou aqui para ajudar a esclarecer suas principais dúvidas!

De maneira anônima, converse com nosso robô que já ajudou milhares de pessoas a melhorar o sexo.

Qual das opções quer saber mais?

No caso de edema vulvar uma boa drenagem linfática na região vulvar feita por um fisioterapeuta pode resolver este problema.

Qualquer desconforto que você sinta que lhe provoque sintomas como dor, ardor, coceira, corrimento, sangramentos, etc, procure o seu médico o mais rápido possível.

Agora se você sente apenas uma sensação de inchaço na região vulvar após o sexo e depois de um tempo desaparece, fique despreocupada isso é completamente saudável e normal.

Leia também:

Avalie esse post

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas(1 avaliações, média: 5,00 de 5)
Loading...
Show Full Content
Livia Alonso
Livia Alonso

Fisioterapeuta pelo Centro Universitário São Camilo de São Paulo. CREFITO 118611- F. Especialista em Fisioterapia Pélvica com Ênfase em Disfunções Sexuais pelo Grupo Educacional CBES/São Paulo.

Comentários

Desejo Sexual

Disfunção Erétil

Dor na relação Sexual

Ejaculação Precoce

Libere Seu Poder

Orgasmo Feminino

Temas Gerais

Close

PRÓXIMO POST

Fechar

Como manter acesa a chama do relacionamento

21 de outubro de 2015
Close