“Sexo feito com vontade é muito prazeroso. Sexo feito com alguém que temos intimidade também é muito prazeroso. Agora, sexo com intimidade e feito com vontade é muito melhor”.
Andreia Fiamoncini

Como ter um bom sexo após anos de relacionamento? Provavelmente é uma pergunta que você tenha feito alguma vez na vida.

É comum após algum tempo de relacionamento você perceber que a vontade de fazer sexo já parece não ser a mesma que antes, ainda que tenha intimidade.

Também é comum no sexo vocês perceberem e repetirem aquilo que é confortável e que da prazer, mas esse roteiro, essa rotina e essa mesmice pode trazer desânimos e consequentemente prejuízos para a relação sexual e conjugal de vocês.

Mas não se preocupe. Neste post, me dedico a dar algumas dicas de como inovar no sexo e dar um up no prazer.

1) Erotize a relação

Erotizar significa estimular, despertar o que há de sensual, é excitar, é seduzir.

Para termos um sexo com vontade, é importante você ter em mente que isso pode começar antes mesmo de chegar na cama.

Portanto, procure se dedicar a isso. A erotização pode ser exercitada através de mensagens eróticas e picantes, uma ligação telefônica mais provocativa no meio do dia, brincar e erotizar enquanto come, um olhar mais sedutor, um beijo de repente.

Para erotizar, você pode pensar em comportamentos, muitas vezes simples, que dão a entender o contexto sexual, mas sem ir para o sexo propriamente.

Manifeste seus desejos e fantasias

2) Manifeste seus desejos e fantasias

Isso faz toda a diferença. Geralmente quando há rotina, são sempre as mesmas partes do corpo a serem tocadas.

Portanto, fale como quer ser tocada, de que forma, em qual parte do corpo. Compartilhe suas fantasias, isso pode contribuir em muito para sair da mesmice.

Saber sobre os desejos, fantasias e interesses do outro, além de dar uma renovada no sexo, aumenta e fortalece a intimidade.

Leia também: As 4 Fantasias Sexuais preferidas das mulheres

3) Explore novos ambientes

Se há rotina no sexo, provavelmente a cama deve ser o local que mais vocês transam, não é?

Pode parecer clichê, mas é verdade. Mudar o local da casa já é um bom começo, ou seja, passeie pelos outros cômodos e desfrutem de um visual diferente.

Mudar de quarto, usar o sofá, cozinha, mesa, tapetes, banheiro, no chuveiro, já dão uma guinada no sexo.

Se puderem, saiam de casa, aproveitem o ar livre, recorram ao motel, ao hotel.

Certamente fará diferença.

Explore novos ambientes

4) Use brinquedos eróticos

Os brinquedos também tem grandes finalidades e utilidades. São varias opções no mercado, para vários gostos e com certeza trará para vocês mais divertimento e prazer.

Caso você tenha vergonha de ir até um sex shop, saiba que é possível comprar pela internet, mantendo total descrição.

Os produtos oferecidos vão desde cremes, géis, lingeries, até vibradores, massageadores, que podem despertar muitas sensações.

Você já usou algum deles?

5) Invistam em filmes eróticos e pornográficos

A pornografia tem a finalidade de estimular a imaginação, despertar sensações, desejos e que pode ser muito útil na hora de quebrar a rotina.

Os filmes eróticos geralmente são muito mais focado para os interesses da mulher, assim como, a pornografia, por ser mais objetiva e diretiva, podem interessar mais os homens.

Independente disso, vocês dois podem assistir juntos, curtir as sensações, explorar o toque ou até mesmo assistir sozinhos.

Leia também: 7 sites pornô para mulheres

6) Sexo sem penetração

Está aí uma dica que pode mexer muito com as sensações.

Sexo sem penetração pode oferecer uma maior exploração no corpo, um prazer mais intenso.

Permita-se descobrir o que há de mais sensível no seu corpo.

A pele, como um todo, é fonte de prazer. Foque nisso. Invistam nas preliminares, massagens, sexo oral, masturbação.

Vocês podem ter muitas descobertas, altamente prazerosas.

Sexo sem penetração

7) Sexo sem orgasmos

Essa dica é bem interessante e tem a finalidade de aguçar o prazer, interesse e intensificar a vontade. É tipo um jogo, uma brincadeira.

Vocês podem se estimular ao máximo, de diversas formas, ou seja, com beijos, toques, carícias, massagens, masturbação, sexo oral, até mesmo penetração e de repente, parar quando estiverem no ápice.

Claro que vocês podem achar difícil aguentar, segurar e parar naquele momento tão bom, mas provavelmente ficarão com o gostinho de quero mais, que darão a vocês aquela vontade, deixarão vocês com essa ideia na cabeça, ficarão pensando nisso até realmente finalizarem.

O próximo encontro poderá ser com aquela vontade e intensidade absurda.

8) Crie e incorpore um personagem

Essa dica também faz parte de um jogo e brincadeira, mas pode trazer para a relação de vocês um grande diferencial.

Você pode se fantasiar de algum personagem específico ou até mesmo fazer de conta que é outra pessoa.

Criar uma história, um jeito de falar, de andar, de se vestir, pode aumentar em muito o prazer e dar aquela renovada no repertório sexual.

Crie um personagem

9) Conheça seu corpo

Essa dica é extremamente importante, independente de quanto tempo vocês estão nesse relacionamento.

Quanto mais você conhecer, aceitar e amar o seu corpo, mais você e seu parceiro(a) poderão usufruir disso.

O autoconhecimento traz maior possibilidade de prazer, mais liberdade, confiança, autoestima que beneficiará você na relação sexual.

Quanto mais essas características estiverem presentes em você, maior será sua independência e autonomia para aproveitar as dicas acima.

Permita-se, liberte-se e aproveite. O sexo está aí para proporcionar prazer.

Se ainda assim você achar que está difícil, ou tenha alguma coisa que não esteja lhe fazendo bem, procure ajuda de um profissional.

Estamos aqui para lhe ajudar. Conte conosco.

Leia também:

Avalie esse post

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas(2 avaliações, média: 5,00 de 5)
Loading...
Show Full Content

Sobre o Autor Ver Posts

Andreia Fiamoncini
Andreia Fiamoncini

Psicóloga e Sexóloga. CRP 12/11076. Graduada em Psicologia pela ACE/FGG - Joinville/SC. Pós Graduada em Sexologia pela Faculdade de Medicina do ABC (FMABC/SP). Pós Graduanda em Terapia Cognitivo e Comportamental pelo Instituto WP em Florianópolis/SC.

Comentários

Desejo Sexual

Disfunção Erétil

Dor na relação Sexual

Ejaculação Precoce

Libere Seu Poder

Orgasmo Feminino

Temas Gerais

Close

PRÓXIMO POST

Fechar

3 exercícios para retardar a ejaculação

17 de maio de 2016
Close