Você já pensou em quantas sensações prazerosas e intensas você pode ter com sexo sem penetração?

Tocar e ser tocada por todo o corpo, e em diversas partes do corpo estimula a criatividade, a intimidade e a entrega entre o casal.

Pra quem é o sexo sem penetração?

As mulheres podem preferir o sexo sem penetração por diversas razões. As mais comuns são por questões de trauma, dor na relação e até mesmo por desconforto com a penetração.

Mas existem na verdade bons motivos que também levam a essa escolha para o sexo sem penetração.

O sexo sem penetração inclui:

  • muitas preliminares,
  • estimula o desejo,
  • estimula a excitação,

e deixa você com muita vontade para experimentar mais vezes.

A estimulação do clitóris também é o ponto chave do sexo sem penetração, e sabemos que grande parte das mulheres chega ao orgasmo mais facilmente ou mesmo unicamente pelo toque no clitóris, ou seja, sem penetração.

Lembra quando você era adolescente e ficava só nos amassos? Como era excitante?

Se esfregar, roçar o corpo e as mãos na vulva ou no pênis levam a sensações muito prazerosas.

Leia também:

1) Masturbação por cima da calcinha

A masturbação por cima da calcinha é uma variação desta possibilidade e proporciona sensações variadas no clitóris e em toda região íntima, aumentando o prazer.

Por exemplo, você ou seu parceiro(a) pode começar passando a ponta dos dedos sobre a calcinha, de forma leve, apenas sugerindo o toque.

Comece a fazer movimentos como se estivesse esfregando o clitóris, ainda sobre a calcinha. Comece devagar e acelere o ritmo aos poucos.

Masturbação por cima da calcinha

Neste ponto você já estará sentindo a excitação crescer e talvez perceba que está ficando molhada.

Faça movimento circulares em volta do clitóris, e depois volte a esfregar com intensidades variadas.

A textura do tecido roçando no clitóris é muito estimulante e proporciona sensações diferentes da masturbação com os dedos ou com o sexo oral.

Entregue-se às sensações prazerosas. Elas funcionam como uma excelente preliminar, se preferirem deixe que a excitação cresça até atingir o orgasmo.

2) Amassos com roupa

A vantagem dos amassos com roupa é que você varia entre a expectativa de tirar a roupa e as sensações que vão surgindo.

Este vai-e-vem de toques pode ser incrivelmente sensual e aumentar o desejo entre o casal.

Dica: Com roupa vocês podem experimentar se tocar em lugares diferentes, como no carro, no cinema.

Até mesmo uma brincadeirinha de se tocar enquanto estão na mesa em um jantar com os amigos ou família, isso tudo pode acontecer sem a penetração.

Amassos com roupa

3) Massagem com final feliz

Quem não gosta de uma bela massagem não é mesmo? E se incluir uma massagem nas partes íntimas, aí fica ainda mais interessante.

O segredo da massagem erótica é explorar pontos erógenos, que são pontos sensíveis ao prazer, e que em geral são pouco estimulados entre os casais.

Alguns destes pontos são:

  • atrás da orelhas,
  • nuca,
  • mamilos,
  • coluna vertebral,
  • atrás dos joelhos,
  • pés,
  • parte interna das coxas,
  • virilha,

… para citar alguns.

Dica: Faça toques variados, como pressionar, passar a ponta dos dedos, dar leves tapinhas em todas estas áreas que citei aí. Experimente tocar nessas áreas usando a boca, língua, e outras partes do corpo, podem usar também para tocar essas partes, os próprios seios e os pés.

Olá! Eu sou o Dr. Bot, um assistente virtual e estou aqui para ajudar a esclarecer suas principais dúvidas!

De maneira anônima, converse com nosso robô que já ajudou milhares de pessoas a melhorar o sexo.

Qual das opções quer saber mais?

Quando perceber que o parceiro(a) está bem relaxado e excitado, comece a massagear as partes íntimas.

Toquem toda a extensão na vulva, a entrada da vagina, os pequenos e grandes lábios, o clitóris.

No caso do homem, massageie levemente os testículos, depois toda a extensão do pênis.

Dica: Quando estiver tocando as partes íntimas, use muita saliva ou lubrificante, pois o atrito na região pode gerar dor ao invés de prazer.

4) Sexo oral

O sexo oral é o queridinho do sexo sem penetração, com toda certeza.

Um sexo oral bem caprichado pode elevar a excitação e sim, resultar em muitos orgasmos para vocês.

Sexo oral

Receber masturbação ou sexo oral é o caminho mais rápido e garantido para atingir orgasmos para 7 em cada 10 mulheres, enquanto atingir o orgasmo com penetração só ocorre para 3 em cada 10 mulheres.

Dica: Para o sexo oral tanto no homem quanto na mulher é muito importante que haja lubrificação. Sem lubrificação o toque que poderia ser prazeroso fica desconfortável com o atrito. Por isso, utilize muita saliva ou lubrificantes.

Aprenda a variar o uso da língua, dos movimentos de sucção e lambidas.

No começo de todo sexo oral variar os tipos de movimentos é estimulante.

Agora, se o objetivo é atingir o orgasmo, concentre-se em um ou dois movimentos e mantenha o ritmo até o final.

Por exemplo, você pode se concentrar em fazer círculos com a língua, ou lambidas, mas sempre na mesma intensidade e ritmo até que o orgasmo chegue.

5) Acessórios eróticos

O sexo sem penetração com brinquedos eróticos pode ser muito divertido e trazer um clima de surpresa e novidade para a relação.

Existem muitos óleos e géis que produzem sensações diferentes e inusitadas na masturbação e no sexo oral.

Vale a pena experimentar.

Acessórios

Os vibradores podem ser usados para massagear o clitóris no caso da mulher e também para massagens e vibrações nos testículos e pênis no caso do homem.

Dica: Coloque o vibrador (aqui você pode usar o vibrador de sua escolha, o importante é que ele tenha variações de vibração. Pode ser no formato de pênis ou tipo bullet, um massageador de clitóris somente) em um modo de intensidade leve e pressione ao redor do clitóris, massageando. A sensação é incrível e pode levar ao orgasmo.

No caso do homem, faça a mesma pressão só que no períneo (região entre o ânus e os testículos).

Você pode optar por um vibrador com formato de pênis ou sem o formato de pênis, o importante neste caso é ter vibrações em várias intensidades e vocês se sentirem a vontade com o brinquedo.

A vibração nesta região estimula a circulação do sangue, deixando toda a região extremamente sensível.

6) Posições para gozar sem penetração

Você pode certamente gozar sem penetração.

Para gozar sem penetração invista em posições que estimulem o clitóris na mulher e no caso do homem facilite o sexo oral.

As top posições para o sexo sem penetração são:

69 (meia nove)

Fazer e receber sexo oral ao mesmo tempo estimula a intimidade e tem um “Q” de fantasia.

Esfregar o pênis nas nádegas e masturbar pela frente

Nesta posição o casal fica de pé e a mulher de costas para o parceiro, que estimula o pênis entre as nádegas da mulher. Com a outra mão estimule o clitóris.

Uma variação desta posição é fazer deitada, com a mulher de bruços se masturbando enquanto o homem roça o pênis entre as nádegas da mulher.

Masturbar com o pênis

Muitas mulheres gostam quando são masturbadas no clitóris esfregando o pênis ereto do parceiro. O contato visual e a sensação de entrega são excitantes nesta posição.

Masturbar o homem com os seios

Coloque o pênis do parceiro entre os seios, faça movimentos de sobe e desce.

Muitos homens acham extremamente excitante ver o pênis entre os seios da mulher. De vez em quando passe a língua no pênis e volte a masturbar apertando os seios.

Coloque a penetração de lado por um instante e deixe a imaginação fluir. Sexo sem penetração é sexo criativo, divertido, excitante, novo.

Aproveite para experimentar as dicas desta matéria nesta semana, que tal escolher uma e surpreender ainda hoje?

Avalie esse post

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas(11 avaliações, média: 4,73 de 5)
Loading...
Show Full Content
Gabriela Pavani Daltro
Gabriela Pavani Daltro

Psicóloga pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP). CRP 06/86668. Extensão em Psicogerontologia (Terceira Idade) pela PUC-SP. Especialista em Sexualidade Humana pela Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo(FMUSP). Terapeuta de Casal pelo Ciclo-Ceap SP. Especializanda em Neuropsicologia clínica pela USP-SP. Extensão em "Desfechos Negativos Associados ao Comportamento Sexual (Compulsão sexual, ISTs/AIDS, violência sexual) pelo Ambulatório de Impulso Sexual Excessivo do HC-FM-USP. Capacitação em Intimidade e Sexualidade do Casal pelo Relational Life Institute - Estados Unidos. Autora dos Livros Digitais: Prazer na Intimidade - Guia para Mulheres e Como ter Orgasmos Sempre. Membro da Sociedade Brasileira de Estudos em Sexualidade Humana - SBRASH.

Comentários

Desejo Sexual

Disfunção Erétil

Dor na relação Sexual

Ejaculação Precoce

Libere Seu Poder

Orgasmo Feminino

Temas Gerais

Close

PRÓXIMO POST

Fechar

Sexualidade da mulher no Puerpério, período pós parto

Close