Uma dúvida que recebi recente de um homem jovem é: “Eu me masturbar duas a três vezes ao dia pode atrapalhar a minha vida sexual? Tenho medo que o excesso de masturbação atrapalhe a minha ereção e também a minha ejaculação na relação sexual”.

A masturbação é uma forma de autoconhecimento.

Pelo toque, pela autoestimulação o homem (e a mulher também) passa a conhecer seu corpo sexual, seus pontos mais sensíveis, como se dar prazer, como vai reagir ao prazer e, ainda, como melhorar a vida sexual a dois.

Todos os dias, duas vezes por dia, uma vez na semana, uma vez ao mês… Não tem como estabelecermos o excesso em números. Vai depender da idade e do dia a dia de cada um.

Leia também:

Sabemos que na adolescência, quando o despertar sexual acontece e os hormônios e desejos estão à flor da pele, há mais vontade e estímulos para a masturbação, tanto para autoconhecimento quanto para prazer imediato.

Nesta fase pode ainda não haver controle. Inclusive, o controle, tanto da ereção quanto da ejaculação podem sim serem aprendidos na masturbação.

Assim, o excesso é quando a pessoa deixa os afazeres do dia e passa a somente se masturbar ou com pensamentos na masturbação. Não consegue estudar, não consegue dormir, não consegue trabalhar.

Certo, e pode então atrapalhar a transa?

Vai depender da forma como a masturbação vem sendo feita e com qual intuito. Ela deve ser considerada uma atividade sexual que proporciona prazer, alívio de tensões e autoconhecimento.

Olá! Eu sou o Dr. Bot, um assistente virtual e estou aqui para ajudar a esclarecer suas principais dúvidas!

De maneira anônima, converse com nosso robô que já ajudou milhares de pessoas a melhorar o sexo.

Qual das opções quer saber mais?

Se você sempre se masturba muito rápido e com o foco apenas no orgasmo, pode sim se condicionar a ejacular rápido e isto acontecer na relação sexual. Se na masturbação você se acostuma a um alto nível de ansiedade e de preocupação com o desempenho, pode também desenvolver a perda de ereção.

Ainda, se não tiver uma relação saudável com a masturbação (pecado, errado, desperdício, sujo), pode também criar dificuldades na relação sexual.

Então, fique atento!

Cuidado com a aprendizagem equivocada, busque conhecimentos sobre sexualidade, entenda os mitos e foca no prazer. Caso contrário, pode sim atrapalhar a sua vida sexual.

Pense qual é a importância da masturbação para você. Saiba que a masturbação deve gerar emoções agradáveis e despertar desejos. Para tanto, abuse das fantasia, se toque com tempo e foque no prazer!

Avalie esse post

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas(15 avaliações, média: 4,40 de 5)
Loading...
Show Full Content
Carolina Freitas
Carolina Freitas

Psicóloga, CRP 09/8329 (Inscrição anterior CRP 01 de 13/03/1998 a 05/12/2012). Psicopedagoga, Sexóloga, Mestre em Psicologia pela Universidade Católica de Brasília, Especialista em Educação Sexual. Terapeuta Sexual pelo Centro de Sexologia de Brasília CESEX, Delegada Estadual - Goiás biênio 2018/2019 da Sociedade Brasileira de Estudos em Sexualidade Humana SBRASH, Idealizadora e coordenadora o Programa Florescer - Gênero e Sexualidade.

Comentários

Desejo Sexual

Disfunção Erétil

Dor na relação Sexual

Ejaculação Precoce

Libere Seu Poder

Orgasmo Feminino

Temas Gerais

Close

PRÓXIMO POST

Fechar

6 dicas para não broxar na hora H

19 de julho de 2017
Close